Se você é uma pessoa que deseja ser um beneficiário do programa Vale Gás, mas não sabe como realmente ele funciona, saiba que está no lugar certo, pois, separamos esse conteúdo com o objetivo de te ajudar a compreender de forma mais clara, como funciona esse benéfico que tem ajudado inúmeras famílias brasileiras. 

Esse certamente é um dos benefícios que mais tem contribuído na ajuda das famílias, além do mais, o seu cadastro é muito simples de realizar. Isso porque ele está relacionado ao programa social mais popular do nosso País, o Bolsa Família. 

Neste conteúdo separado exclusivamente para você, nós vamos te ajudar a esclarecer suas dúvidas e te dar todas as informações necessárias sobre o benéfico do Vale Gás. 

Portanto, confira agora o que de fato é o Vale Gás, como ele funciona, quem realmente tem direito a esse benefício e de que forma você pode se cadastrar. Além dessas, você terá acesso a outras informações relevantes ao longo do artigo. 

O que é e como funciona o Vale Gás? 

O Vale Gás foi criado por ação do Governo Federal com o objetivo de ajudar nada mais nada menos do que as famílias que passam necessidades no nosso país, deste modo, ajudando a manter o gás para famílias com baixa renda. 

Além disso, esse benefício já está incluído no programa Bolsa Família, assim facilitado mais o proveito do mesmo. 

Desta forma, podemos dizer que esse projeto tem como prioridade aquelas famílias que se encontram em situação de pobreza e extrema pobreza, sendo elas, as que realmente não conseguem manter o alimento e sustento familiar. 

Vale Gás

Vale destacar que o programa passou por um processo de inúmeras adaptações até chegar a ser incluído no Bolsa Família. Portanto, todas as pessoas que tem seu cadastro no Bolsa Família possui o direito de adquirir o Vale Gás. 

Podemos dizer que a ideia principal do Governo é ajudar de fato todas as famílias necessitadas a manterem o gás de cozinha dentro de suas casas. Além disso, o gás é uma peça importante e fundamental na preparação dos alimentos. 

Qual a quantia liberada para receber? 

No decorrer dos anos, todos os benefícios dos programas sociais apresentam novas atualizações. É estipulado que o Vale Gás seja atualizado de 2 em 2 meses, porém, nem sempre é o que acontece. 

Em 2020 o Vale Gás, incluído junto a quantia do Bolsa Família, estava somente no valor de R$15,00, porém, o valor que se paga atualmente por um botijão de gás em nosso país, custa em torno de R$90,00 ou mais, dependo da região onde você está localizado. 

E é por essas razões e outras, que qualquer que seja o benefício disponibilizado pelo governo, ele deve passar por atualizações. Deste modo, o beneficiário deve sempre estar atento quanto as informações passadas sobre a quantia do auxilio. 

Quem tem direito a esse benefício? 

Bom, conforme algumas informações mencionadas acima, o fato é que, para conseguir se tornar um beneficiário do Vale Gás, é necessário estar participando do Bolsa Família. 

Outro fato que podemos destacar é que, o seu cadastro deve estar ativo no mínimo dois anos para receber o Vale Gás. 

Para obter o auxílio, você deve comprovar que está em situação de extrema pobreza. Sendo a renda de R$89,00 a R$178,00 per capita. 

Para isso, basta fazer a somatória de renda total da sua casa e dividir pela quantidade de pessoas que vivem nela. Sendo assim, se o cálculo for até R$178,00 você de fato pode ser um beneficiário. 

Como me cadastro no Bolsa Família? 

Se for de extrema necessidade obter esse benefício, e a pessoa não estiver participando do Bolsa Família, ela deve fazer o seu cadastro. 

Para resolver isso, é preciso ir até ao Centro de Assistência Social, pois, é lá onde você pode ser um beneficiário. 

Porém, para que seu cadastro seja aceito, você deve estar de acordo com os regulamentos solicitados para participar do Bolsa Família. 

De que forma obtenho o Vale Gás?  

Se você já está com o seu cadastro no Bolsa Família ativo no mínimo dois anos, você terá seu benefício em um prazo de até dois meses. 

A data determinada para receber o pagamento varia de acordo com o final do seu Número de Identificação Social (NIS). 

Além disso, vale destacar que para realizar o saque do benefício é preciso ter o cartão cidadão. Sendo assim, caso não tenha esse cartão, você pode usar o seu RG para efetuar o saque. No entanto, o tempo de espera para ter acesso ao caixa de atendimento é um pouco longo. 

Portanto, se quiser ter um processo mais rápido, o melhor é adquirir o cartão cidadão. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.